• Maria Alves Viana

Apoio Emocional

Ficar em isolamento, fazer tudo e depois não ter mais o que fazer, o tédio chega e rouba a paz. Ocupa-se o tempo nas redes sociais ou com a TV, e neles somente noticias ruins de que tudo tende a piorar, liga para um familiar, este já está desesperado achando que contraiu a doença COVID-19. As preocupações começam a crescer e os receios sufocam o nosso coração. O medo chega e com ele a ansiedade e o desespero.

Persista! Não podemos desistir perante esta adversidade. É apenas um momento de mudança, uma fase e vai passar! Não se esqueçam, tomem banho de sol pela manhã. A produção de vitamina D no organismo aumenta a imunidade. Abra as janelas de sua casa, deixe o sol entrar! Cante, dance, converse. Dê atenção ao idoso que está em total restrição, pior do que morrer de um vírus é morrer de solidão.

Como dizia Nietzsche “Aquele que tem um porque para viver, consegue suportar qualquer como”.

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Estudar!?!? Pra quê?!?!

Até quando as pessoas vão se prender a frases típicas de quem tem preguiça de ir à luta? Acho que devo ter ouvido mais de uma centena de vezes a expressão: “Tem gente sem estudo nenhum que se dá muito

Planejamento e Execução

Voltando hoje, em nosso capitulo final para este que é o tema mais técnico. Hora de fazer o plano para essa viagem chamada transformação interna, ou projeto de transformação. Como você planeja sua via

Projeção

Estamos de volta! Falando hoje da parte mais agradável da nossa “trilogia”: a Projeção do cenário desejado! O que desejamos para os próximos 15 anos da nossa instituição? Alguns projetos sociais apare

Associação Emaús - Casa de Guadalupe

CNPJ 07.686.471/0001-44

Estrada Furuyama, 2974, Rio Abaixo - Suzano - SP

(11) 4743-7590